A TEORIA MICROSCÓPICA DA CONDUÇÃO ELÉTRICA ESTUDADA POR MEIO DE UM ANÁLOGO MECÂNICO

Renato Fumagalli Miranda, Anderson Luiz Ellwanger, Gilberto Orengo

Resumo


Neste trabalho é descrito o desenvolvimento e aplicação de uma atividade didática de ensino que utiliza analogia para auxiliar na aprendizagem dos conceitos envolvidos na teoria microscópica da condução elétrica. Este é um fenômeno no nível atômico e de difícil compreensão por métodos tradicionais. A fundamentação teórica está baseada na Teoria da Aprendizagem Significativa de David Ausubel. A utilização de analogias segue o modelo TWA - Teaching-With-Analogies (Ensinando com Analogias) desenvolvido por Glynn e modificado por Harrison e Treagust. Como situação análoga à teoria microscópica da condução elétrica, foi utilizado o análogo mecânico proposto por Bagnato e Rodrigues. A análise qualitativa dos resultados da aplicação permite inferir indícios de uma compreensão expressiva do conceito estudado, bem como indicativos de uma aprendizagem significativa.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.