A LITERATURA DE MASSA COMO INICIAÇÃO À LITERATURA

Núbio Delanne Ferraz Mafra

Resumo


Examinando um universo de oitavas séries e primeiro ano de segundo grau, uma pesquisa de campo revelou que os alunos — pretensamente mais críticos que os das séries iniciais — não tinham tanto prazer nas atividades de leitura. No interior de Minas Gerais, uma escola pública apresentava situação bem mais grave: simplesmente essa prática não existia. Entretanto, muitos alunos entrevistados disseram consumir uma leitura não oficializada, nem respaldada pela escola: a chamada literatura de massa. Na verdade, trata-se de um processo de iniciação à leitura, mas a escola, muitas vezes com propósitos culturais higienizadores, insiste em ignorá-la.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.