METANÁLISE DO MACROPROJETO “FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM MODELAGEM MATEMÁTICA: COMPREENSÕES E DESVELAMENTOS”

Autores

DOI:

https://doi.org/10.37781/vidya.v43i2.4614

Palavras-chave:

Formação de Professores, Coletivos de Pensamento, Fenomenologia

Resumo

Desde o ano de 2012 passamos a nos dedicar gradativa e sistematicamente à pesquisa e orientação sobre formação de professores em Modelagem Matemática na Educação Matemática, culminando em 2014 no macroprojeto de pesquisa fenomenológica que interroga: o que é isto, a formação de professores em Modelagem Matemática? sendo finalizado em 2023. Junto a este, concebemos, instauramos e mantivemos, desde 2015, um projeto de extensão permanente de formação de professores em diferentes cidades do Estado do Paraná, investindo na constituição de coletivos de formação de professores, dialogando com a epistemologia fleckiana. Foram produzidas dissertações e teses e outros textos com diferentes perguntas de pesquisa no interior deste macroprojeto. Essa produção é retomada em uma metanálise qualitativa fenomenológica, no sentido de dar conta do interrogado. Portanto, expomos uma metacompreensão do “isto” da formação de professores em Modelagem Matemática. Em síntese, mesmo que a formação de professores seja favorecida pelos coletivos instaurados, é necessário compreender mais acentuadamente o sentido da formação da pessoa humana, para além dos objetivos teóricos e práticos da própria Modelagem ou da Formação de Professores.

Biografia do Autor

Tiago Emanuel Klüber, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Unioeste

Licenciado em Matemática (2004) e Especialista em Docência no Ensino Superior (2006) pela Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná, UNICENTRO. Mestre em Educação (2007) pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, UEPG. Doutor em Educação Científica e Tecnológica, PGECET (2012), pela Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, com período de cotutela na Universidade Estadual Júlio de Mesquita Filho, Unesp, Rio Claro (2011). Atou como docente do Ensino Superior, ao nível da graduação na Universidade Estadual do Centro-Oeste, Unicentro, entre 2007 e 2009, campus de Guarapuava e 2010, no campus de Irati. É docente associado da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Unioeste, campus Cascavel, desde 2010, onde atua ao nível da graduação, em diversos cursos, em especial na Licenciatura em Matemática; da pós-graduação lato e stricto sensu, tendo participado com docente permanente nos Programas de Pós-Graduação de Mestrado de Ensino (2014-2019), campus Foz do Iguaçu e Educação (2013-2018). Desde 2017 é docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Educação Matemática, PPGECEM, da Unioeste Campus Cascavel e foi coordenador do programa de 2017 a 2021. Lider do grupo de Pesquisa Investigação Fenomenológica na Educação Matemática – IFEM, criado em 2023.

Downloads

Publicado

2023-12-15

Como Citar

Klüber, T. E. (2023). METANÁLISE DO MACROPROJETO “FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM MODELAGEM MATEMÁTICA: COMPREENSÕES E DESVELAMENTOS”. VIDYA, 43(2), 191–206. https://doi.org/10.37781/vidya.v43i2.4614