DIREITOS DAS MULHERES: UMA BUSCA CONSTANTE PELA (DES)CONSTRUÇÃO DE CONCEITOS E VALORES

Angela Araujo da Silveira Espindola, Berger Bernardes

Resumo


Este artigo tem por escopo provocar uma reflexão acerca dos direitos das mulheres e, conseqüentemente, sobre violência e gênero, medianteuma abordagem histórica e uma análise de suas dimensões na atualidade.Vive-se hoje em um mundo onde ainda predominam os valores patriarcais, sem a exata consciência do processo que conduziu o homem a isso. Historicamente falando, pode-se dizer que é bastante recent e o enquadramento da violência contra a mulher como violação aos direitos humanos. Os direitos das mulheres por longo tempo foram excluídos do grupo dos direitos humanos, o que se justifica, provavelmente, pela crença de que são direitos “distintos”. Partindo dessa premissa, pretende-se, sem esgotar a temática, recuperar a presença da mulher na história e apresentar alguns dos instrumentos de proteção dos seus direitos, direcionando o debate para a efetiva proteção desses direitos. Aceito o desafio de discutir assunto tão complexo dentro de uma pluralidade de olhares, é ponto pacífico que não há que se falar em direitos da mulher ou em violência e gênero sem inserir o debate no contexto sociocultural e institucional.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.