AS POTENCIALIDADES LÚDICAS DA EDUCAÇÃO ESTATÍSTICA NOS ANOS INICIAIS

Thays Rodrigues Votto, Mauren Porciúncula Moreira da Silva

Resumo


O presente artigo objetiva compreender como professores dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental concebem a ludicidade, além de identificar o potencial lúdico nas estratégias pedagógicas estatísticas contempladas na sua prática docente. O percurso metodológico foi pautado pela abordagem qualitativa, valendo-se de entrevistas semiestruturadas realizadas com sete professores. Estas foram submetidas à Análise de Conteúdo. Durante as análises emergiram duas categorias temáticas, a saber: As compreensões de professores dos Anos Iniciais acerca da ludicidade e Vivências lúdicas nas atividades estatísticas. Os resultados e discussões descortinaram que as compreensões docentes acerca do lúdico distribuem-se em dois polos: stricto sensu, relacionado à materialidade do lúdico e latu sensu, compreendendo o lúdico como um fenômeno interno do sujeito. Outrossim, o estudo apreendeu que atividades que tornam o aluno ativo no seu processo de aprendizagem, a partir de construção de gráficos ou realização de pesquisas de forma coletiva, podem proporcionar vivências lúdicas aos alunos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.37781/vidya.v40i2.3324

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.