A DIALÓGICA CURRICULAR NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM CIÊNCIAS DA NATUREZA

Rafaele Rodrigues de Araújo, Gionara Tauchen, Valmir Heckler

Resumo


O artigo debate as oportunidades de formação interdisciplinar experienciadas por licenciandos em Ciências da Natureza. A investigação é de natureza qualitativa, de caráter hermenêutico-fenomenológico. A produção das informações foi realizada por meio de entrevista semi-estruturada com os formandos da primeira turma do curso de Licenciatura em Ciências da Natureza da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA), Campus Dom Pedrito. A análise das informações foi orientada pela Análise Textual Discursiva (ATD), emergiram duas categorias intermediárias: 1) intenção interdisciplinar e ações disciplinares: dinâmicas de um currículo dialógico como categoria final e 2) formação interdisciplinar por meio de conhecimentos disciplinares: desafios da religação de saberes, as quais integram a categoria final intitulada: a dialógica da organização curricular na formação em Ciências da Natureza. Como resultado central surge o argumento de que as oportunidades de formação interdisciplinar são constituídas por um currículo dialógico disciplinar/interdisciplinar que os desafia, na prática docente, a um pensamento transdisciplinar.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.