SOBRE A EVOLUÇÃO HISTÓRICA DO MODELO DE FIBONACCI: A CLASSE DAS FUNÇÕES HIPERBÓLICAS DE FIBONACCI - FHF

Francisco Regis Vieira Alves

Resumo


Para este trabalho, o objetivo consiste em evidenciar a evolução e a generalização epistemológica em torno da emblemática sequência numérica de Fibonacci, a qual, possui descrição nos livros de História da Matemática, por meio do modelo biológico envolvendo o nascedouro de casais de coelhos. Para tanto, abordamos elementos de um tópico merecedor de maior atenção, no locus acadêmico, concernente ao conceito de extensões contínuas de funções de Fibonacci, por intermédio de funções hiperbólicas. O modelo foi proposto originalmente pelo matemático Alexey Stakhov, em 1984, que envolve a definição de uma classe particular de funções, possuindo analogia extraída das funções hiperbólicas. Portanto, por intermédio de um estudo bibliográfico, buscamos a demarcação de uma espécie de abordagem do assunto, com a intenção de divulgação científica, no âmbito da formação inicial de professores de Matemática, posto que, registramos sua desconsideração por parte dos autores de livros de História da Matemática, além de proporcionarmos a percepção de uma noção em evolução constante.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.