ÁGUA: BIODIVERSIDADE E FRAGMENTAÇÃO DOS RIOS REFLEXÕES PARA O RIO GRANDE DO SUL

Raquel Cabral Cruz

Resumo


Neste artigo, são revistas teorias sobre ecologia de rios com ênfase no papel da biodiversidade, indicadora do estado de conservação, estabilidade, funções como sistema de prestação de serviços de suporte à vida e sobre as ameaças que destroem sua capacidade de persistir no tempo. São avaliadas as tendências de evolução das principais ameaças sobre os rios e discutidas as realidades institucionais e seus instrumentos de gestão, com ênfase do Rio Grande do Sul. O estudo indica a necessidade de mudanças na organização institucional da área ambiental e sugere a unificação das legislações referentes ao uso da terra e das águas, com vistas ao gerenciamento ambiental integrado de bacias hidrográficas, único instrumento que pode salvar os rios da tendência crescente de geração de energia e de água para irrigação.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.