PERCEPÇÕES DE JOVENS E ADULTOS SOBRE A MATEMÁTICA

Roseli Scuinsani da Rosa, Neiva Ignês Grando

Resumo


Esta pesquisa teve como objetivo analisar as percepções de alunos da Educação de Jovens e Adultos sobre a matemática e a evasão escolar. Participaram estudantes de três instituições de Passo Fundo, RS, Brasil, das quais duas são escolas da rede municipal e uma da rede estadual de ensino. Nesta pesquisa, de abordagem qualitativa, a análise desenvolveu-se por meio das seguintes categorias descritivas: lembranças das aulas e dos conteúdos de matemática; necessidade da matemática e sua relação com a atividade profissional; comparação entre a disciplina de matemática da escola regular e a da Educação de Jovens e Adultos. Na percepção dos alunos, tanto suas atitudes como as dos professores influenciam diretamente na sua permanência na escola. Por considerá-los sujeitos do processo ensino-aprendizagem, vislumbramos a necessidade de repensar a metodologia da matemática, na tentativa de contemplar as experiências, os conhecimentos e os motivos que os levaram novamente à escola.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.