REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE ESTUDANTES E DE SEUS RESPONSÁVEIS SOBRE A CIÊNCIA NO DIA A DIA - OU CIÊNCIA INFORMAL

Eduardo Mozart Machado, Mariana A. Bologna Soares Andrade

Resumo


A motivação inicial para o desenvolvimento desta pesquisa era entender o contexto em que as famílias se encontram em relação à educação de seus filhos, questionando quais as possíveis influências da Escola e da Família na construção de Representações Sociais sobre Ciência Informal por estudantes de Ensino Fundamental e tendo como objetivo analisar as Representações Sociais de estudantes e de seus responsáveis sobre a ciência no dia a dia. A partir da aplicação da análise prototípica, instrumento de coleta consolidado no campo das Representações sociais, foi possível observar que as famílias têm pouca influência na construção das Representações Sociais de seus filhos, sendo a Escola a principal referência de Ciência destes indivíduos e, portanto, suas Representações estão relacionadas ao ambiente escolar, suas atividades e métodos, proporcionando um distanciamento da Ciência no cotidiano destes jovens.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.37781/vidya.v41i1.3640

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.