Reflexões sobre a implementação do Ensino Remoto Emergencial em cursos de Graduação na área de Gestão e negócios em uma Instituição Comunitária

Fabiana da Costa Pereira, Taize de Andrade Machado Lopes, Renata Coradini Bianchi, Daniele Bertagnolli

Resumo


O Ensino Remoto Emergencial (ERE) iniciou em março de 2020 e trouxe inúmeros desafios aos professores, estudantes, pais e instituições escolares. Expôs as desigualdades educacionais do país, em um contexto de distanciamento social, interrupção das aulas presenciais e crise econômica. Neste relato de experiência será descrito como ocorreu a transição das aulas presenciais para o sistema remoto online nos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas de uma instituição comunitária no interior do Rio Grande do Sul. Serão relatadas as vivências deste período e uma síntese da avaliação das aulas em meios digitais. O relato será finalizado com a análise de dez aprendizados do período sob o ponto de vista das autoras, entre esses a consideração que o ensino remoto emergencial não pode ser usado como modelo para o ensino híbrido.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.37778/sa.v18i1.4145

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.