A certificação da qualidade do ar de interiores: o caso do Royal Plaza Shopping

Autores

  • Emanuele Dellamea Rizzetti
  • Andréa Bach Rizzatti
  • Taís Casten Jora
  • Jordana Marques Kneipp
  • Jordana Marques Kneipp
  • Leticia Lengler

Resumo

Com um consumidor cada vez mais exigente, muitas empresas estão buscando um diferencial competitivo e uma possibilidade de se alcançar isto, consiste na implementação de certificações que podem conferir uma maior qualidade aos produtos ou serviços oferecidos. Visando compreender a realidade empresarial de Santa Maria no que tange a adoção de certificações, esta pesquisa tem o objetivo de descrever a gestão da qualidade no Royal Plaza Shopping, com relação à certificação da qualidade do ar. A partir de uma entrevista realizada com um dos gestores, identificou-se que desde 2013 o shopping busca atender às exigências normativas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) para garantir um ambiente confortável e agradável para os usuários, mais especificamente no que se refere a manter os padrões de qualidade do ar em um local público e fechado.  Em função de possuir a Certificação da Qualidade do Ar de Interiores (QAI) e realizar análises da qualidade do ar a cada seis meses, o setor administrativo do shopping percebe que a implantação dessa certificação traz um retorno positivo para os usuários, principalmente em função dos lojistas do shopping demonstrarem estar satisfeitos com relação a essa medida adotada.

Downloads

Edição

Seção

Artigos