De Slavoj Žižek à Alain Badiou: uma breve reflexão a respeito da hipótese comunista

Rodrigo Braz Carlan, Diego Carlos Zanella

Resumo


O objetivo deste trabalho é compreender, por meio de uma revisão bibliográfica, os prismas teóricos do filósofo e psicanalista esloveno Slavoj Žižek acerca da sociedade capitalista, bem como, em um segundo momento, fomentar o comunismo como saída para o processo sócio histórico vigente conforme o pensamento dos filósofos Alain Badiou e Pierre Dardot. Assim, é necessário identificar os atravessamentos que o capitalismo promove na vida social, tendo em vista as profundas consequências que o referido sistema promove. Logo, é possível apresentar o comunismo como solução teórica, de modo que alcançar a experiência comunista, sobreleva, o comum a todos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pela Universidade Franciscana.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.