Repercussões do nascimento prematuro: uma revisão integrativa da literatura sobre a experiência parental

Suelen Fernanda Nunes, Cristina Saling Kruel, Regina Gema Santini Costenaro, Fernanda Pires Jaeger

Resumo


Este estudo apresenta o resultado de uma revisão teórica integrativa, que objetivou expor o estado da arte, sobre o nascimento prematuro do bebê e as repercussões na experiência parental. Para a pesquisa, foram selecionados todos os estudos publicados em língua portuguesa nos últimos dez anos nas bases de dados Scielo, Lilacs, a partir dos seguintes descritores: Nascimento Prematuro, Bebê Prematuro, Bebê Pré-termo. A partir da análise dos dados, foram elencadas três categorias, a saber, Nascimento Prematuro: sintomas clínicos parentais; A Experiência de Ser Pai e Ser Mãe de um Bebê Prematuro; eCuidados Parentais Durante a Hospitalização e Pós-alta do Bebê Prematuro. Os artigos apontam a importância do vínculo da família com o bebê internado na Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal. Também destacou-se a compreensão dos profissionais da saúde em relação ao sofrimento dos pais e mães dos bebês, que leva a vivência de diversos sentimentos como: ansiedade, frustrações, insegurança, medo da morte do bebê, impotência. Os profissionais da saúde devem prestar apoio a esses familiares, possibilitando a aproximação dos pais e mães com seu bebê, propiciando a aceitação da internação e uma melhor recuperação do prematuro.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pela Universidade Franciscana.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.