Natureza e religiosidade como potencial turístico do distrito de Santo Antão, no município de Santa Maria, RS

Gilceu Antônio Cippolat, Elsbeth Léia Spode Becker

Resumo


Neste artigo apresenta-se uma investigação realizada junto aos moradores do distrito de Santo Antão, município de Santa Maria, estado do Rio Grande do Sul, com o objetivo de evidenciar a percepção destes em relação ao potencial turístico da religiosidade local.  A abordagem metodológica constituiu de entrevistas que viabilizaram coletar as informações dos residentes no distrito. Constatou-se que o distrito possui potencialidades turísticas para desenvolver atividades relacionadas ao turismo no meio rural, pois é favorecido pelo relevo acidentado e pela existência de mata nativa, de morros para a prática de rappel, de trilhas, da “Fonte dos Milagres”, de estradas dos jesuítas e de um povo devoto e religioso, que tem a festa anual do padroeiro Santo Antão como um dos fortes atrativos para destacar o distrito no turismo.  Constatou-se que a população local tem percepção do lugar e valoriza as potencialidades naturais e culturais, especialmente, a religiosidade. No entanto, o desenvolvimento do turismo, no distrito, necessita de atenção do poder público para que esses aspectos: natureza (recursos naturais), religiosidade (recursos culturais) se tornem recursos turísticos e se consolidem como uma das alternativas para a geração de renda e de empregos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pela Universidade Franciscana.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.