Geografia Física do município de Jarí, RS: Compartimentação Geomorfológica

Dalires Becker Porto, Pedro Luiz Pretz Sartori

Resumo


O Município de Jari está localizado na unidade morfoestrutural da Bacia do Paraná, na zona de transição entre as unidades morfológicas da Serra Geral e do Planalto da Serra Geral. Os tipos de modelados são serras e coxilhas, e as principais formas de relevo são morros e coxilhas médias e baixas. A elaboração do mapa geomorfológico do Município de Jari destaca os elementos físico-naturais e estabelece a compartimentação do relevo. A altitude máxima atinge 470 m, com variações nas classes de declividade entre <3% e >25%. A hidrografia se destaca por duas importantes bacias hidrográficas: a do Arroio Toropi Mirim a leste, e a do Rio Jaguari, a oeste. Nas áreas de coxilhas, a vegetação nativa é de campo com o desenvolvimento da pecuária extensiva de corte e de lavouras mecanizadas para o cultivo de soja, milho e feijão, na primavera e verão, e de aveia, trigo e azevém, no outono e inverno. Nos morros, a vegetação natural faz parte da floresta subtropical decídua] e, nas aberturas de roças, desenvolve-se de forma rudimentar o cultivo do milho, feijão e fumo.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pela Universidade Franciscana.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.