Digital technologies for health education practices with children and adolescents

Autores

  • Andressa da Silveira Universidade Federal de Santa Maria - Ufsm
  • Mariana Henrich Cazuni Universidade Federal de Santa Maria - Ufsm
  • Bruna Cardozo da Silva Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA)
  • Rodrigo Souza Balk Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA)
  • Lairany Monteiro dos Santos Universidade Federal de Santa Maria - Ufsm

Palavras-chave:

Digital Technology, Child, Adolescent, COVID-19

Resumo

Introduction: the use of digital technologies for health education practices with children and adolescents began to be used on a large scale, based on the need for social distancing generated by the COVID-19 pandemic. Objective: to know the perception of university students about the use of digital technologies for health education practices with children and adolescents. Method: qualitative, descriptive research, with university students belonging to nursing, physiotherapy and nutrition courses with previous experiences in research and extension, from the northwest region and the border of southern Brazil. Data collection took place in two stages, through a script prepared in Google Docs® for the purpose of characterizing the participants and the second stage through structured interviews in Google Meet®. The utterances were transcribed and subjected to thematic content analysis. Results: Two categories emerged “Use of digital media for education in times of pandemic” and “Use of digital technologies by children and adolescents”. Final considerations: from the perspective of university students, the use of digital technologies starts earlier and earlier, and they understand that health education practices through digital media were essential after the pandemic, for maintaining the bond, guidance, communication and autonomy for the care of children and adolescents.

Biografia do Autor

Andressa da Silveira, Universidade Federal de Santa Maria - Ufsm

Doutora em Enfermagem. Especialista em Saúde do Adolescente, Esp. Saúde Coletiva, Esp. UTI Pediátrica/Neonatal e Programação Neurolinguística‎. Professora do Departamento de Ciências da Saúde da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) Campus de Palmeira das Missões. Atua nas disciplinas de Saúde da Criança e do Adolescente, Práticas e Técnicas. Possui experiência no campo da enfermagem com ênfase nas crianças e adolescentes com necessidades especiais em saúde (CRIANES), educação em saúde e PNL para estudantes. Autora do Canal Viver Enfermagem disponível nas mídias sociais de forma gratuita para divulgar as áreas de atuação e trabalho em saúde. Experiência em Estudos Qualitativos, com ênfase em Método Criativo Sensível e Análise de Discurso na Corrente Francesa. Líder do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Saúde Coletiva 2019/2020 (NEPESC/UFSM). Pesquisadora do Grupo de Pesquisa em saúde do neonato, criança, adolescente e família (CRIANDO/UFSM) desde 2008. Coordenadora do Núcleo de Estudo e Pesquisa Criança, Adolescente e Família (NEPCAF) desde 2018.

Mariana Henrich Cazuni, Universidade Federal de Santa Maria - Ufsm

Aluna de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Maria, campus Palmeira das Missões, admitida no ano de 2017. Atualmente no 9º semestre. Estagiária no Primeira Infância Melhor (PIM) no município de Palmeira das Missões-RS. Atuando como bolsista de iniciação científica a FIPE não projetou Tecnologias como possibilidades para o cuidado de crianças e adolescentes com necessidades especiais de saúde no ano de 2020. Atuando como Secretário de Esportes na Diretoria Acadêmica de Enfermagem Renovação Gestão 2019-2020. Integrante de Projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão na área da Saúde da Criança, do Adolescente e da Família. Com afinidades nos temas Saúde da Criança, adolescentes e famílias, Crianças e Adolescentes com Necessidades Especiais de Saúde (CRIANES).

Bruna Cardozo da Silva, Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA)

Acadêmica do curso de Enfermagem da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA), campus Uruguaiana. Tenho interesse na área de Enfermagem e Atenção à Saúde da Criança e do Adolescente. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Atenção à Saúde da Criança (GESPASC). Atualmente você faz parte do projeto de pesquisa sobre Cuidados Paliativos em neonatologia: é necessário discutir esse assunto com a equipe de Enfermagem? Desenvolve atividades de ensino como Monitor/Voluntário da Disciplina de Semiologia de Enfermagem. Atualmente é Bolsista do Programa Educacional Tutorial Práticas Integradas em Saúde Coletiva - PET PISC. E-mail: 

Rodrigo Souza Balk, Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA)

Pesquisador. Possui graduação em Fisioterapia pela Universidade Federal de Santa Maria (2001), mestrado em Ciências Biológicas: Neurociências pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004) e doutorado em Ciências Biológicas: Bioquímica Toxicológica pela Universidade Federal de Santa Maria (2011). Atualmente é professor associado com dedicação exclusiva da Universidade Federal do Pampa na área de Fisioterapia e orientador no Programa de Pós Graduação em Educação em Ciências`: Química da Vida e Saúde. Professor colaborador da Liga Acadêmica de Fisioterapia Esportiva da Unipampa (LAFESP), membro do Grupo de Estudos e Pesquisa em Promocão e Educação em Saúde (GEPPES). Tutor PET MEC do Programa Práticas Integradas em Saúde Coletiva (PISC). Autor do livro Práticas Integradas em Saúde Coletiva - um olhar para a interprofissionalidade e multiprofissionalidade pela editora Appris. Tem experiência na área de Neurociências e Bioquímica envolvendo estresse e comportamento. Na área de Fisioterapia apresenta experiência em Fisioterapia Neurológica e Fisioterapia Aquática. Na área de ensino tem experiência em formação de professores, estudo de processos de ensino e aprendizagem e educação em saúde ou promoção da saúde no ambiente escolar.

Lairany Monteiro dos Santos, Universidade Federal de Santa Maria - Ufsm

Acadêmica do 5º semestre do curso de Enfermagem na Universidade Federal de Santa Maria, Campus Palmeira das Missões (UFSM-PM). Foi bolsista FIEX no projeto: O lúdico e o terapêutico como possibilidades de cuidado na Enfermagem, em 2021. Atualmente é bolsista FIEX no projeto: Educação em saúde como possibilidades para o cuidado de crianças e adolescentes com deficiência, vinculado ao projeto de ensino Núcleo de Estudo e Pesquisa Criança, Adolescente e Família (NEPCAF) e voluntária no Núcleo de Estudo e Pesquisa em Saúde Coletiva. Possui afinidade pelas temáticas de saúde da criança e do adolescente, saúde de Crianças e Adolescentes com Necessidades Especiais de Saúde (CRIANES), educação em saúde e vulnerabilidades sociais. Designer e colaboradora das mídias digitais Viver Enfermagem 2020.

Referências

Downloads

Publicado

2023-06-15

Edição

Seção

Artigos