Perfil de lombalgia em acadêmicos de Fisioterapia: relação com colchão e decúbito durante o sono

Leonardo Passidonia dos Reis, Jéssica Caroline Cruz Sanches, Henrique Eduardo Maia Alves

Resumo


A lombalgia é um dos grandes problemas da saúde pública, que vem aumentando cada vez mais entre jovens estudantes, pode ser definida como um sintoma que afeta a área entre a porção mais baixa do dorso e a prega glútea e apresenta causa multifatorial. Este estudo teve como objetivo verificar a prevalência de lombalgia em acadêmicos de Fisioterapia e relação com decúbito adotado durante o sono e tipo de colchão. Trata-se de um estudo de campo com levantamento de dados, objetivo exploratório de natureza quantitativa. A pesquisa foi desenvolvida em uma instituição de ensino superior privada da região norte do Brasil, no primeiro semestre de 2018, com acadêmicos regularmente matriculados na graduação de Fisioterapia, com aplicação de questionário adaptado e Escala Visual Analógica de dor. Foi observado prevalência de 86,27% de dor lombar nos acadêmicos de Fisioterapia sem associação significativa com o decúbito adotado durante o sono e tipo de colchão.


Texto completo:

PDF

Referências


https://doi.org/10.37777/dscs.v21n1-010


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.