Incidência de mulheres no período reprodutivo com doença Hipertensiva Arterial Sistêmica

Vivian de Franceschi Brondani, Ana Laura Zuchetto Pizolotto, Silomar Ilha, Cláudia Zamberlan

Resumo


As doenças crônicas não transmissíveis são um problema de grande relevância não só no Brasil, mas também no mundo, pois atingem a cada ano um número maior de pessoas, sendo responsáveis por 72% das causas de morte brasileiras. O estudo objetivou investigar na literatura nacional e internacional a incidência de mulheres com Hipertensão Arterial Sistêmica no período reprodutivo. Configura-se como uma revisão integrativa da literatura realizada por meio de buscas no Lilacs e Medline. Foram incluídos neste estudo: textos completos disponíveis online, de forma gratuita, nos idiomas português, inglês e espanhol, com resumo disponível, com delimitação temporal de 2011 a 2016 e delimitação de assunto principal por HAS e saúde da mulher. Após seleção, restaram quatro artigos, com os quais foram criados dois quadros sinópticos com as principais caraterísticas dos estudos elencados, quais sejam: ano de publicação, periódico, autoria, título, objetivo, metodologia, principais resultados. Estimular o autocuidado torna-se uma importante ferramenta de redução dos fatores de risco e danos causados pela doença, a fim de minimizar o aumento de HAS.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.