Uma experiência de Educação Ambiental aplicada a trabalhadores do Sistema Único de Saúde

Cristina Roveré Gehling, Daniela da Motta Esteves, Eveline Rodrigues, Evelise Tarouco da Rocha, Iane Maria da Silva, Janice Castilhos Gomes, Luana Machado Silveira, Miriam Suzéte de Oliveira Rosa

Resumo


Apesar do crescente interesse sobre a educação ambiental e saúde na sociedade, a formação acadêmica ainda tem se mantido distante quanto à capacitação de profissionais de saúde com conhecimento e envolvimento sobre as questões ambientais. A Universalidade, como um princípio do Sistema Único de Saúde de assegurar a saúde como um direito de todos e como um direito humano à manutenção da vida individual e social, torna imprescindível a formação dos profissionais de saúde neste âmbito. Trata-se de um relato de experiência de uma atividade desenvolvida por alunas do Mestrado Profissional em Ensino na Saúde da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Sul que visou construir e aplicar estratégias pedagógicas de sensibilização aos trabalhadores de saúde para a educação ambiental, embasadas nos fundamentos do Sentipensar e no conceito de universalidadede modo a formar agentes multiplicadores para a educação ambiental. A experiência desenvolvida proporcionou interação com a temática contextualizada aos ambientes de trabalho.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.