Elaboração de óvulos para o tratamento de vulvovaginites

Carla Fontoura Ferreira, Rosimar Leitenberg

Resumo


Dentre as patologias que acometem o trato genital feminino, a vulvovaginite é uma das doenças mais frequentes na prática ginecológica. A vulvovaginite é a inflamação da vulva e da vagina, sendo comumente causada por microrganismos como Candida albicans, Trichomonas vaginalis e a Gardnerella vaginali. Uma das formas de tratamento utilizada são os óvulos. Os óvulos são formas farmacêuticas destinadas a serem introduzidas no trato vaginal, uma vez que amolecem e se dissolvem liberando o ativo podendo ter efeito local ou sistêmico.Neste trabalho, objetivou-se a elaboração de óvulos para tratamento de infecções do trato genitourinário feminino, contendo ácido bórico e, dessa forma, verificar a formulação mais adequada a fim de realizar ensaios de controle de qualidade nos óvulos elaborados. No desenvolvimento das formulações, foram utilizadas três bases diferentes; a base de glicerina, gelatina e Polietilenoglicol (PEG), sendo a última com pesos moleculares e porcentagens variadas. Ao fim do experimento, pode-se concluir que a formulação ideal para preparação de óvulos com ácido bórico foi o uso da base de Polietilenoglicol com composição de 90% de PEG 1500 e 10% de PEG 400. Os resultados foram favoráveis para os testes realizados: teor de princípio ativo (102,5%), peso médio (3,51g com DP de 0,023005 e DPR 0,65) e o tempo de desintegração (27 minutos).


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.