A influência da hipercolesterolemia na hipercoagulabilidade

Rogério Scolari, Thiago Duarte, Marta Maria Medeiros Frescura Duarte, José Antonio Mainardi de Carvalho, Maria do Carmo dos Santos Araújo

Resumo


A hipercolesterolemia é um fator determinante para o surgimento da aterosclerose, principal causa de doenças cardiovasculares. Este estudo analisou os níveis de fibrinogênio e D-dímero em pacientes com hipercolesterolemia. Os níveis de colesterol no grupo controle foram de 104 a 178 mg/dL e hipercolesterolêmicos foram de 250 a 529 mg/dL. Os resultados demonstraram que níveis de colesterol total (P < 0,0001), colesterol LDL (P < 0,0001), fibrinogênio (P < 0,0061) e D-dímero (P <0,0013) foram significativamente maiores nos pacientes hipercolesterolêmicos. Em resumo, a hipercolesterolemia está associada com o aumento da resposta coagulativa e da fibrinólise contribuindo para a manifestação da aterosclerose.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.