Modelo matemático da evolução da Síndrome da Imunodeficiência Adquirida - AIDS em Santa Maria

Ana Marília de Souza, Vanilde Bisognin

Resumo


Neste trabalho, descreve-se o resultado de uma pesquisa, que faz parte de um projeto de iniciação científica. O tema escolhido foi a epidemiologia. Construiu-se um modelo baseado no modelo epidemiológico de Kermack e McKendrick (1927) com objetivo de modelar a velocidade de propagação da Síndrome Imunodeficiência Adquirida - AIDS - entre a população de Santa Maria, por meio das interações entre indivíduos suscetíveis e infectados. Os parâmetros foram escolhidos de acordo com a literatura acerca da doença. Para a validação foram realizadas simulações numéricas, com auxílio de um “software”, que foram comparadas com dados disponíveis pelo Sistema Único de Saúde (SUS) (2012) e o modelo foi considerado adequado a descrever a situação da doença, nos parâmetros considerados.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.