Status quo da Engenharia Clínica: desafios, metas e expectativas

João Alexandre Bisognin Felice, Luiz Fernando Rodrigues Junior

Resumo


Novos equipamentos médicos são criados ou atualizados com uma frequência nunca antes vista. Como forma de garantir que estas tecnologias funcionem e sejam aplicadas de forma segura dentro de hospitais e clínicas, há cerca de 50 anos foi criada a profissão de engenheiro clínico. No Brasil, a engenharia clínica existe há pouco mais de 20 anos, e tem crescido muito, porém ainda enfrenta dificuldades em sua expansão. Neste trabalho foi desenvolvido um questionário, que foi enviado por meio eletrônico à profissionais atuantes na área, a fim de obter dados a respeito do dia-a-dia da engenharia clínica, suas dificuldades e expectativas, com o intuito de alcançar o status quo da engenharia clínica no Brasil e proporcionar uma visão atualizada sobre este setor, tanto para acadêmicos quanto hospitais, com ou sem um setor de engenharia. A aplicação do questionário se mostrou efetiva, e foram obtidas respostas de todo o país, com dados como tempo de atuação do setor, equipamentos gerenciados, cronograma de manutenções preventivas e corretivas, conhecimento de normas, além das principais dificuldades. Gerando assim, um relatório que demostra um panorama atualizado da engenharia clínica no Brasil, através do qual é possível observar e concluir sobre as principais características e problemas enfrentados pela engenharia clínica no Brasil.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.37779/nt.v21i2.3497

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.