Bacia hidrográfica como unidade de gestão ambiental

Ewerthon Cezar Schiavo Bernardi, André Gonçalves Panziera, Galileo Adeli Buriol, Alexandre Swarowsky

Resumo


O manejo inadequado dos recursos naturais tem como consequência a crescente degradação desse meio. Assim sendo, a gestão de bacias hidrográficas vem se aprofundando, pois ela é considerada a unidade para o planejamento e conservação do ambiente natural e urbano. Neste trabalho, objetivou-se realizar uma reflexão sobre a aplicabilidade e a importância da bacia hidrográfica como unidade de gestão ambiental, por meio dos conceitos mais importantes que integram a mesma. Foi observado que a relação entre o planejamento dos recursos naturais e a bacia hidrográfica é íntima. Entretanto, há necessidade de um fator de agregação mais vigoroso entre os elementos de integração do espaço social da bacia hidrográfica, mesmo com suas delimitações sob diversos territórios, e os níveis de poder atuantes sobre esta. Neste caso, pressupõe-se que esta função seja dos comitês de bacias hidrográficas, pois tais órgãos foram criados para articular a relação entre recursos hídricos, impactos ambientais e necessidades humanas.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.