Determinação do desmatamento através da classificação digital de cenas do Satélite Landsat 5

Paulo César Baisch Dona, Rafael Franco da Silva, Sandro Luciano Barreto Fensterseifer

Resumo


O Sensoriamento Remoto se mostra indispensável a uma visão dinâmica do que se refere à superfície terrestre, sendo que as imagens de satélite são produtos que possibilitam a obtenção de informações bastante precisas sobre processos diversos da ocupação do solo. Neste trabalho, foi feita uma análise multitemporal de cenas do satélite Landsat5, objetivando a obtenção de percentuais de desmatamento por meio da classificação digital das imagens. As cenas alvo de estudo envolvem uma vasta região do estado do Rio Grande do Sul, marcada pela expansão das fronteiras agrícolas e consequente diminuição das áreas de mata. Com o auxílio do aplicativo computacional SPRING, foram georreferenciadas e classificadas as imagens, tendo sido obtidos os mapas temáticos, as medidas de classes e os percentuais de decréscimo das áreas de cobertura de floresta, sendo estes de 19,40% a partir da análise multitemporal da cena Órbita-ponto 223-081 e 27,5% a partir da análise da cena Órbita-ponto 222-081.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusivados autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.