A pintura sacra nas Igrejas da Quarta Colônia de Imigração Italiana do Rio Grande do Sul

Larissa Bonetti Buzatti, Edir Bisognin

Resumo


Tendo em vista o resgate c o reconhecimento da pintura sacra, nossa preocupação na pesquisa centrou-se nas pinturas parietais, onde se detém nas relações estilísticas e nos seus autores. Dentro dessa perspectiva salientam-se os aspectos que se consideram mais relevantes, tais como: O levantamento contextuai sociológico das regiões da Quarta Colônia; a época das construções das Igrejas; os autores das pinturas parietais; as técnicas utilizadas, os estilos e tendências artísticas. Justifica-se o presente estudo, tendo em vista a inexisténcia de uma investigação profunda e referencial teórico-prático sobre o assunto e pela importância e valorização de um patrimônio que remete às origens da formação cultural desta região central do Estado do Rio Grande do Sul.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.