As relações temporais em narrativas escritas produzidas por alunos de ensino fundamental

Janaína Dalla Porta, Maria Eulália Tomasi Albuquerque

Resumo


Neste estudo, trata-se da produção escrita de alunos de ensino fundamental. O corpus são narrativas produzidas por crianças de 10 a 12 anos cursando a 5ª série do Ensino Fundamental, na Escola Tito Ferrari, de São Pedro do Sul, RS. Sendo textos narrativos, pressupõe-se que as relações temporais sejam expressas no pretérito. É considerado, pelos professores, em geral, como ruptura de coesão textual o uso de verbos no presente nesse tipo de textos. Assim, neste trabalho demonstra-se que, antes de ser considerado erro, o uso do presente é urna estratégia do narrador para chamar a atenção do seu interlocutor para os fatos principais da história, o que a torna mais viva e mais dramática.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM


 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.